standvirtual.com

O Nº 1 em Carros
Vender Veículo

Afinal, o ar condicionado gasta mais combustível?

ar condicionado gasta mais combustivel

A área automóvel está recheada de mitos. Curiosamente, a maior parte desses ditos populares estão relacionados com o dinheiro e a possibilidade de se poupar algum. Alguns são verdade, outros não. Neste artigo, procuramos desvendar um deles: será que o ar condicionado gasta mais combustível?

Ligar o ar condicionado gasta mais combustível?


regular o ar condicionado

Reduzindo as possibilidades a uma dicotomia de sim ou não, a verdade recaí sobre a primeira. Sim, circular com o condicionado gasta mais combustível. Aliás, dependendo da tecnologia usada no sistema (se é digital ou analógico) pode consumir 10% ou 20% a mais. No entanto, para os mais curiosos procuramos desenvolver os porquês por detrás deste facto.

Com o ar condicionado ligado, há uma necessidade de compensar a energia despendida para manter esse sistema activo. Portanto, há um aumento dos encargos para o motor. Ou seja, este tem de trabalhar mais para manter as suas funções.

No entanto, há dois tipos de ar condicionado. Caso o sistema seja digital, este é desenvolvido para optimizar a refrigeração e gastar de forma mais prudente. Portanto, nesta situação, com o ar condicionado ligado, o aumento do consumo de combustível é apenas de 10%. Se, por outro lado, o sistema for analógico, como não tem um sistema de software incorporado, acaba por consumir mais, cerca de 20%.

E com as janelas abertas?

Conduzir com as janelas abertas e com o ar condicionado ligado é uma não-solução. Afinal, além de consumir ainda mais em alguns casos, acaba por perder o objectivo inicial de ter ligado o ar condicionado: manusear a temperatura ambiente no interior do veículo.

No entanto, há situações em que conduzir com as janelas abertas acabam por gastar e outras em que não. Depende da velocidade a que circula e do próprio veículo em questão.

De forma geral, caso circule a uma velocidade superior a 80 km/h há efectivamente um aumento dos gastos de combustível se conduzir com as janelas abertas. Isto, porque há um aumento considerável da pressão do vento na aerodinâmica do carro, assim como há um aumento da entrada do ar no interior do veículo.

Ora, não será difícil de perceber que, com essas duas ocorrências, o carro fica mais lento e, portanto, para manter a velocidade, o motor tem de trabalhar com mais força, consequentemente injectando mais combustível.

Porém, no sentido inverso, se conduzir a uma velocidade inferior a 80 km/h, a diferença de consumos entre circular com as janelas abertas ou fechadas é nula ou reduzida. Isto, porque a pressão do vento e a entrada do ar no interior do veículo, não são substanciais.

Deve-se então conduzir de janelas abertas ou fechadas?

conduzir com janela aberta

Resumidamente, a melhor solução passa por utilizar os dois sistemas em situações diferentes.

Caso circule a uma velocidade superior a 80km/h será preferível utilizar o ar condicionado, principalmente se tiver um sistema digital. Isto porque, apesar de consumir mais, o ar condicionado acaba por ser um benefício enorme, uma vez que permite melhorar a qualidade do ar no interior do veículo, garantindo ao condutor e aos seus passageiros um maior conforto e até uma maior atenção durante a viagem.

É importante realçar que o ambiente que rodeia quem está ao volante acaba por interferir na sua capacidade de foco e o ar condicionado permite um melhor manuseamento da temperatura do que com as janelas abertas.

Por outro lado, quando se circula a uma velocidade inferior a 80 km/h ( e se a temperatura exterior estiver propensa a isso) deve então circular com as janelas abertas. Assim, não só tem a temperatura no interior mais agradável como também acaba por não gastar combustível.

Leia também:

Afinal, o ar condicionado gasta mais combustível?
3.5 (70%) 6 votos
Redes sociais:
Dúvidas no Standvirtual?

Aceda à secção de Ajuda

211 450 361 * * Dias úteis das 09h às 18h