standvirtual.com

O Nº 1 em Carros
Vender Veículo

Os carros mais baratos das marcas premium

Carros mais baratos

Gostava de ter um automóvel mais luxuoso mas o seu orçamento não lhe permite grandes aventuras? Conheça os carros mais baratos das marcas premium.

Ter um carro de uma marca mais conceituada não só significa ter mais conforto e prazer enquanto estamos a conduzir. Representa também um estatuto perante a sociedade. E sabendo o poderio desta máxima, os carros baratos das marcas premium são cada vez mais verdadeiros carros de luxo em “miniatura”.

É verdade, e afirmarmo-lo com toda a certeza: hoje em dia não existe nenhum fabricante que construa um carro ruim. Mas ainda assim é também um facto que existem algumas marcas que se destacam sobre as demais, e essas geralmente são consideradas marcas premium.

As marcas premium não só se distinguem pelo seu design inovador e irreverente, mas também pela qualidade superior dos materiais e tecnologias usadas na sua construção.

Estas marcas ao longo dos anos definiram na sociedade um “status social” e um posicionamento de mercado que apenas permite às pessoas com uma vida financeira mais confortável comprar um destes modelos. No entanto, com o avançar do tempo e das tecnologias, as marcas premium foram obrigadas a lançar modelos mais “acessíveis” para satisfazer as necessidades de mercado, e se está à procura de um carro novo, talvez saber quais são os carros mais baratos das marcas premium o poderá ajudar a decidir qual será a sua próxima viatura.

Conheça os 6 carros mais baratos das marcas premium


1. Audi A1

Carros mais baratos Audi

Fonte: Audi

A primeira geração do Audi A1 foi apresentado ao grande público em 2010, mas a marca de Ingolstadt renovou totalmente o seu citadino em 2018. A segunda geração foi totalmente renovada, quer a nível de interiores, quer a nível exterior. Dotada agora com a última tecnologia disponível da Audi, o novo A1 vai abandonar as carroçarias de 3 portas e as motorizações diesel, estando agora apenas disponível na versão Sportback (5 portas) com 4 motorizações a gasolina: duas de 3 cilindros com 95 e 116 cavalos, e duas de 4 cilindros com 150 e 200 cavalos.

Apesar de ainda não serem conhecidos os valores da nova geração do Audi A1, carro premium mais barato da marca dos anéis deverá ter preços a começarem em torno dos 23 000€.

No mercado dos usados, é possível comprar a anterior geração dos Audi A1 por valores a rondar os 13 000€.

2. Mercedes Classe A

Carros mais baratos mercedes

Fonte: Mercedes

A Mercedes lidera as vendas no segmento premium, sendo pelo 3º ano consecutivo a marca premium mais vendida no mundo, e tem como o seu carro mais barato o Classe A. Apresentado pela primeira vez em 1997, a primeiríssima geração do carro mais compacto da Mercedes foi vendida em Portugal entre 1999 e 2011. A marca da estrela retomou em 2013 o Classe A numa parceria tecnológica com a Renault, onde a Mercedes se encarregou de produzir um carro com um design único e irreverente (tanto no interior como no exterior), e a Renault “emprestou” as suas motorizações à Mercedes, tentando oferecer a melhor relação entre qualidade e preço.

Esta pareceria revelou-se um enorme sucesso e em 2018 a Mercedes apresentou a segunda geração do novo Classe A. Um carro compacto com tecnologia de ponta (a mesma disponível no topo de gama Classe S) e linhas exteriores que fazem com que não passe despercebido em nenhum lugar.

As motorizações disponíveis no novo Classe A são 6: 4 a gasolina e 1 a diesel. A versão diesel será o mesmo bloco 1.5 emprestado pela Renault mas debitará agora 116 cavalos ao invés dos 106 (versão 180d). A gasolina poderá contar com um bloco 1.3 de 115, 140 ou 160 cavalos. Para os verdadeiros amantes da velocidade a Mercedes disponibilizará ainda um bloco de 2 litros com 224 cavalos (A250) ou a versão mais apimentada deste compacto, o A35 AMG, que debita mais de 300 cavalos de potência.

Os preços para a versão mais barata do novo Classe A começam nos 32 450€, sendo que a geração anterior poderá ser encontrada à venda por valores próximos dos 16 000€.

3. BMW Série 1

Carros mais baratos bmw

Fonte: BMW

Dos 3 grandes alemães, a atual geração do BMW Série 1 é aquela que está em produção há mais tempo e os sinais da idade já se começam a fazer sentir (quando comparados com modelos mais recentes).

Lançado pela primeira vez em 2005, o Série 1 já foi renovado por 3 vezes mas sem que nunca a sua plataforma ou o seu interior tivesse tido uma revisão profunda (algo que muito provavelmente acontecerá durante o ano de 2019 com a 4ª geração deste BMW).

Entre os carros mais baratos das marcas premium alemãs, o BMW Série 1 que é sem dúvida o mais divertido de conduzir, isto porque as suas características de tração traseira e motor dianteiro montado transversalmente lhe conferem as características de um carro desportivo e uma distribuição de peso quase perfeita de 50:50.

Disponível com 8 motorizações diferentes (3 a gasolina e 5 a gasóleo), a escolha apenas se resume às suas necessidades. Nas variantes a gasolina estão disponíveis motores de 3, 4 e 6 cilindros, com potências que variam entre os 109 e os 340 cavalos (116i, 118i e M140i). Se pretender fazer uma utilização mais intensiva do Série 1, talvez fique melhor servido com uma das versões a gasóleo. Disponíveis em blocos de 3 ou 4 cilindros, com potências que oscilam entre os 90 e os 224 cavalos (114d, 116, 118d, 120d e 125d).

Novo, os preços do BMW Série 1 começam nos 29 900€, mas é possível encontrar vários exemplares usados por preços a rondar os 18 000€.

4. Lexus CT

Carros mais baratos lexus

Fonte: Lexus

Saindo agora do continente europeu, encontramos a japonesa Lexus, a marca premium da Toyota. Embora em Portugal a sua cota de mercado não seja tão grande como as gigantes alemãs, em países do continente americano ou do oriente a Lexus é já uma das marcas com maior reputação.

A sua gama de entrada é o Lexus CT e distingue-se por ser (para já) o único carro híbrido disponível de gama premium.

Tal como no caso do Série 1, a plataforma deste Lexus não sofreu praticamente qualquer alteração desde 2012, pelo que a idade já começa a pesar e em breve deverá haver uma renovação total deste híbrido da Lexus.

Movido por um motor 1.8 a gasolina acoplado a uma bateria de iões de lítio, a potência híbrida combinada deste carro são 136 cavalos o que lhe permite obter performances bastante equiparadas (ou talvez superiores) aos rivais germânicos.

Num concessionário, um Lexus CT com 0 quilómetros custar-lhe-á no mínimo 30 500€, porém poderá conseguir um exemplar usado por valores a rondar os 18 000€.

5. Volvo V40

Carros mais baratos volvo

Fonte: Volvo

Aos poucos a Volvo tem vindo a vincar a sua posição entre as marcas premium europeias, e sem dúvida que nestes últimos anos a marca Sueca deu aquele salto que faltava para se equiparar totalmente a Mercedes Audi ou BMW.

O seu modelo mais barato é o Volvo V40 e sobretudo quando falamos de ser prático e versátil, o V40 derrota tanto o Série 1, como o Classe A como o A1 (ou até mesmo o Audi A3).

Durante anos e anos a construtora sueca tinha como principal máxima a segurança dos seus veículos, mas uma vez conquistado o estatuto de fabricante mais seguro, a Volvo começou a investir também no design, e o V40 é a prova disso. Um carro compacto, simples e elegante.

Disponível com 3 motores diesel de 2L com potências que variam entre os 120 e os 190 cavalos, ou 2 motores a gasolina também de 2L com 122 ou 245 cavalos, a última geração do V40 promete não só consumos bastante eficientes como performances claramente acima da média.

Novo, os preços deste Volvo começam nos 29 050€, mas em segunda-mão é possível encontrar automóveis da geração anterior (esteticamente bastante parecidos, embora as motorizações sejam ligeiramente diferentes) por valores a rondar os 14 000€.

6. Jaguar E-Pace

Carros mais baratos jaguar

Fonte: Jaguar

Embora a Jaguar não seja uma construtora tão eclética e não esteja interessada (para já) em fabricar carros “tão baratos” como as marcas já aqui referidas, não podemos deixar de considerar a marca britânica como uma marca premium.

Sempre a par das tendências, a Jaguar lançou-se recentemente no mundo dos SUV (os carros “da moda), e ainda no decorrer deste ano apresentou o seu carro mais barato, e consequentemente o seu SUV de menores dimensões: o Jaguar E-Pace.

Enquanto as restantes marcas premium apostam em carros do segmento C, a Jaguar não está interessada neste mercado e apostou fortemente nos SUV, onde apresenta duas propostas, entre os quais encontramos o F-Pace e o E-Pace, um SUV familiar e um SUV compacto.

Quer a nível de preços, quer a nível de conforto ou de espaço, é praticamente impossível comparar qualquer um dos carros mais baratos das marcas premium com este E-Pace, estando este SUV da Jaguar claramente vários patamares acima de qualquer um dos seus competidores.

Com 4 motorizações disponíveis, as potências variam entre os 150 e 180 cavalos para as versões a gasóleo, e entre os 200 e os 249 para as versões a gasolina.

Novo, os preços do E-Pace começam nos 45 575€, e no mercado de usados, para já, é praticamente impossível encontrar qualquer exemplar abaixo dos 55 000€. Esta exceção à regra é justificada pelo facto deste modelo ser bastante recente e todos os exemplares à venda em segunda mão estarem apetrechados de opcionais, e as marcas premium não são propriamente conhecidas por rechearem os seus carros de equipamento, por isso se pretender comprar um E-Pace novo dificilmente pagará menos do que 60 000€.

Leia também:

 

Os carros mais baratos das marcas premium
5 (100%) 2 votos
Redes sociais:
Dúvidas no Standvirtual?

Aceda à secção de Ajuda

211 450 361 * * Dias úteis das 09h às 18h