standvirtual.com O Nº 1 em Carros Vender Veículo

Os carros com os nomes mais estranhos de sempre

Carros com nomes estranhos

O processo de batismo de um carro pode ser das etapas mais complexas no desenvolvimento de um automóvel novo. O construtor tem de garantir a originalidade da designação que pretende utilizar, certificar-se de que fica no ouvido pelas melhores razões e, acima de tudo, que não fere suscetibilidades em qualquer país do mundo. E existem técnicas praticamente infalíveis. Muitos fabricantes escolhem números ou letras para designar os modelos nos seus catálogos, outros procuram utilizar nomes comuns, de cidades, figuras mitológicas, entre outros. Mas, atualmente, a grande maioria investe milhões em sistemas de algoritmos informáticos que geram nomes aleatórios, teoricamente seguros.

A Lotus, por exemplo, passou a ter no seu catálogo de icónicos automóveis um desportivo com o nome de cidade alentejana, ao confiar numa rotina informática para, a partir das palavras evolution, vogue e aura, criar a designação Evora. Se achou estranho, ainda não viu nada!

Leitura recomendada: Os carros japoneses mais estranhos de sempre

Em todo o mundo, não faltam exemplos de nomes bizarros para aplicar num automóvel ou casos estranhos de modelos que foram obrigados a adotar uma outra denominação em determinados mercados.

Pagani Huayra

Pagani Huayra

O supercarro que a Pagani apresentou em 2011 deixou meio mundo de queixo caído e outro meio a… gaguejar. Se a estética arrebatadora e a excelência da sua mecânica V12, de origem Mercedes-AMG, geraram logo consenso, o nome escolhido pelo fabricante italiano não convenceu. Huayra é o deus do vento, de acordo com a mitologia Inca, e um nome que obriga a enrolar a língua.

Tata Zica

Tata Zica

Recentemente, as jantes Corona do novo Mini elétrico trocaram de nome devido à crise pandémica provocada pelo novo coronavírus. Antes, uma situação idêntica aconteceu com a indiana Tata, que pretendia lançar o Zica, quando um surto de vírus com nome semelhante castigava fortemente a América do Sul. Para evitar problemas, a Tata mudou o nome do citadino, que passou a chamar-se Tiago. Muito melhor…

Hyundai Kona

Hyundai Kona Kauai

A intenção era boa: mantendo a lógica de dar nomes de locais exóticos do Pacífico aos seus SUV, a Hyundai encontrou numa das ilhas do arquipélago do Havai a denominação perfeita para o modelo que se diferencia de toda a concorrência direta logo pela imagem. Mas o nome pensado para simbolizar a imagem enérgica e estilo de vida único da Grande Ilha do Havai, não caiu bem em Portugal… E mudou para Kauai, uma outra ilha no mesmo arquipélago.

 

Veja todos os Hyundai Kauai à venda no Standvirtual

 
Kia Borrego

Kia Borrego

Os coreanos inspiraram-se no Anza-Borrego Desert State Park, um parque localizado no deserto do Colorado, no Sul da Califórnia, para batizar o SUV que se destinava ao mercado norte-americano. Consta que por aquelas paragens o nome foi bem-recebido, mas imaginamos que deste lado do Atlântico não fosse simpático, sobretudo no trânsito.

Mazda Laputa

Mazda Laputa

A marca japonesa só queria homenagear a obra da autoria de Jonathan Swift, “As Viagens de Gulliver”. Mas, do ponto de vista comercial, o nome da pequena ilha voadora relatada na história está longe de ser indicado para todos os mercados mundiais.

Opel Ascona

Opel Ascona

Um clássico. Nos anos 70 e 80 do século passado, o Ascona (o nome é uma referência a uma cidade da Suíça) foi um dos modelos mais populares no portefólio da marca alemã. Em Portugal, o construtor adotou as designações 1905 e 1604. Mas ainda hoje se ouvem piadas usando o nome de fábrica.

Subaru Domingo

Subaru Domingo

Não ofende ninguém, mas Domingo está longe de ser um nome fenomenal para aplicar num automóvel. Quanto mais não seja porque conduzir um destes furgões compactos da marca japonesa faria de si… um domingueiro.

Chevrolet Kalos

Chevrolet Kalos

Os responsáveis pela marca chegaram a fazer abordagens humoradas em spots publicitários que brincavam com o nome do carro. E o modelo comercializou-se em Portugal com relativo sucesso. Mas apostamos que não terá sido às custas do nome apelativo.

Ford Pinto

Ford Pinto

O nome que é de uma raça de cavalos nos Estados Unidos – e que faz jus à tendência da marca já vista com o popular Mustang – é um apelido popular entre os portugueses e um palavrão no Brasil.

AMC Gremlin

AMC Gremlin

Curiosamente, a American Motors desenvolveu um modelo para rivalizar com o Ford Pinto, dando-lhe o nome de Gremlin, que é o nome de uma criatura ficcional, descrita como pequena e malévola, capaz de sabotar qualquer tipo de equipamento. Na “mouche”…

Nissan Qazana

Nissan QAZANA

Mais um nome para juntar a lista dos automóveis que dariam nas vistas em países como Portugal, por se aproximar ao de uma expressão de cariz sexual. Não chegou a ser problema, pois não passou da fase de protótipo.

Daihatsu Naked

Daihatsu Naked

Em todos os mercados de língua inglesa, o Naked (nu ou despido, numa tradução livre) seria um verdadeiro desafio à criatividade dos gabinetes de marketing da empresa.


Leia também:

 

Redes sociais:
Dúvidas no Standvirtual?

Aceda à secção de Ajuda

210 738 088 * * Dias úteis das 09h às 18h