standvirtual.com

O Nº 1 em Carros
Vender Veículo

7 dicas para vender o carro mais rápido

vender carro

Quer saber como pode vender o carro mais depressa? Conheça estas 7 dicas e não o deixe estacionado por muito tempo na sua garagem.

Embora a venda dos carros novos tenha subido 10,7% no primeiro semestre de 2018 (em relação ao período homólogo do ano anterior), comprar carros usados continua a ser a forma predileta dos portugueses para trocarem de automóvel.

Os carros novos, em média, desvalorizam cerca de 40% durante os primeiros 3 anos de vida, por isso comprar um carro usado com apenas alguns anos é uma excelente forma de adquirir um carro praticamente novo a um preço bastante mais razoável.

No que toca a carros usados, a concorrência é mais que muita, e se o seu papel é o de vendedor, seguramente vai querer saber tudo o que pode fazer para conseguir vender o carro mais depressa possível, por isso sugerimos que leia atentamente todas as dicas que vamos mostrar-lhe em seguida.

Conheça 7 dicas úteis para vender o carro mais rapidamente


1. Estude tudo sobre o seu carro

Se quer vender o carro mais depressa, deverá estar pronto para responder a todas as questões colocadas por um potencial comprador. Tenha na ponta da língua os dados da quilometragem, a potência, consumos, valores dos impostos que paga anualmente sobre a viatura, todos os extras que o carro tem ou quando foi feita a última revisão.

2. Deixe a viatura como nova

limpar-carro.jpg

Durante o período em que o carro estiver à venda evite usá-lo. Se possível dirija-se a um local especializado em lavagem de viaturas e deixe-a a brilhar, como nova. Um potencial comprador irá valorizar bastante um carro se o encontrar em estado irrepreensível. Lembre-se: a primeira impressão conta muito na hora de vender o carro mais depressa.

3. Estude o mercado

Analisar a concorrência é um passo extremamente importante na venda de um automóvel. Procure os carros existentes no mercado com características semelhantes ao seu e saiba qual é o valor de mercado do seu carro. Isto ajudá-lo-á a posicionar o seu automóvel no mercado. Se tiver bastante urgência em vender, pedir um valor relativamente baixo poderá fazê-lo vender o carro mais depressa.

Além de averiguar os preços dos outros carros, existe outro fator do mercado que poderá influenciar a rapidez do seu negócio. Embora a venda de automóveis não seja uma ciência exata, a procura em Portugal, por norma, costuma ser linear, mas é verdade que existem determinadas épocas do ano em que alguns modelos são mais propícios para serem vendidos do que outros. Por exemplo os meses que antecedem ao verão costumam ser os mais fortes na venda de desportivos ou descapotáveis, e os meses de Agosto e Setembro (meses com maior taxa de natalidade em Portugal e meses de regresso às aulas) costumam registar um maior número de vendas de veículos familiares.

4. Escolha onde quer colocar o carro à venda

Dependendo da sua disponibilidade e predisposição para vender o carro, poderá querer concessionar a venda ou assumir o papel de empresário e ser você mesmo a vender o carro. Se concessionar a venda a um stand físico, sabe de antemão que a sua margem para recuperar o dinheiro investido aquando da compra do carro será drasticamente reduzida. Se optar por vender o carro por sua própria conta, anunciando nas suas redes sociais ou em páginas especializadas para o efeito, como o Standvirtual ou OLX, conseguirá ter total controlo sobre o preço da venda do automóvel, será você a decidir as margens de negociação e conseguirá também recuperar o máximo dinheiro do seu investimento inicial.

Saiba que ser o “patrão de si mesmo” requer bastante paciência e dedicação, caso contrário a sua tentativa de vender o carro mais depressa não será bem sucedida.

5. Esmere-se no anúncio

Tente criar um anúncio bastante detalhado, indicando todos os opcionais que equipam a sua viatura, a potência, os quilómetros, emissões de gases poluentes, e o mais importante de tudo, tire boas fotografias ao carro que está a vender. Se a fotografia não for uma arte que domina então pense seriamente em contratar um fotografo, mesmo que seja um fotografo amador, para ajudá-lo nesta tarefa. A imagem vende, e tirar boas fotografias ajudarão a vender o carro mais depressa.

Escolha uma localização bonita e com um ambiente adequado ao segmento do carro. Por exemplo se a viatura que quiser vender for um SUV, talvez um ambiente de montanha combine com o carro. Se for um desportivo ou um descapotável, fotografias junto à praia farão jus ao carro.

6. Saiba negociar

Mostre-se sempre disponível para fazer negócio. Estabeleça o preço mínimo que pretende pelo carro e defina o valor inicial pelo qual pretende dar início às negociações. Nos negócios em segunda mão é tido como boa conduta negociar sempre o valor. Este gesto demonstra vontade e atenção por parte do vendedor. Reserve sempre uma margem para negociar e decida qual o valor pretendido para vender a sua viatura.

Prepare-se também para receber chamadas a horas menos próprias e para ter que responder sempre com um sorriso. Recorde, uma palavra dita num tom menos próprio poderá significar o fim das negociações.

Mostre-se sempre disponível para mostrar o carro e para satisfazer todas as vontades de um potencial cliente.

7. Seja honesto

A nossa última dica, mas não a menos importante: seja honesto. A honestidade do vendedor é um fator sempre apreciado por um comprador e poderá servir como base das negociações.

Não omita quaisquer problemas que teve com o carro e conte tudo sobre o historial mecânico do seu veículo.

Trate de deixar tudo em pratos limpos com o potencial comprador do seu carro, deste modo não lhe poderão ser imputadas quaisquer responsabilidades sobre futuros problemas que o carro venha a ter.

Leia também:

 

 

7 dicas para vender o carro mais rápido
5 (100%) 1 voto
Redes sociais:
Dúvidas no Standvirtual?

Aceda à secção de Ajuda

211 450 361 * * Dias úteis das 09h às 18h